• Magictour

Setor de eventos se prepara para reativação em São Paulo

Mesmo que o mundo ainda enfrente o desafio do combate à pandemia de covid-19, com o avanço da vacinação, já há um retorno mais amplo das atividades em diversos países. Assim como o Turismo em geral, o setor Mice também pode projetar um futuro promissor a curto prazo e iniciar um planejamento mais conciso para os próximos meses, como indicam análises do São Paulo Convention & Visitors Bureau (SPCVB).



De acordo com a análise do Calendário de Eventos do SPCVB, dos 600 eventos previstos para 2020, entre congressos, feiras, simpósios e demais tipologias, apenas 51% foram realizados e, deles, 118 foram on-line. Sem conhecer como a pandemia se comportaria nos primeiros meses, os promotores e organizadores adiaram, primeiramente, seus eventos para o segundo semestre de 2020. Há congressos, entretanto, que passaram por até três mudanças de datas, o que impactou também no calendário de 2021. Dos 626 eventos previstos para 2021, 41% foram realizados de forma digital, 27% sofreram mudança de data ainda para o mesmo ano e 32% foram reprogramados para 2022.


EVENTOS NACIONAIS

Fazendo um recorte focado nos eventos nacionais captados (aqueles que não fazem parte da agenda habitual de um destino, sendo atraídos com apoio do SPCVB), o cenário se assemelha. Para 2020, eram aguardados 11 novos eventos nacionais. A pandemia impactou na mudança de datas, de local e na alteração de sua realização virtual (cinco, ao todo). No entanto, desta base, segue confirmado ainda para 2021 o XXI Congresso Brasileiro de Cirurgia Bariátrica e Metabólica da SBCBM, que deve atrair dois mil participantes.


Além desse, os eventos captados que permanecem confirmados para 2021 incluem o Congresso Brasileiro de UFOLOGIA, UFO Summit Brazil, Convenção Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (CONESCAP), que somam mais 3.600 participantes, além de três com realização virtual. Já para 2022, os eventos captados previstos seguem confirmados, com um público estimado de mais de 26 mil profissionais.


"Por mais que a tecnologia se mostrou muito útil para a realização de eventos digitais e híbridos, sabemos que não substituem a experiência do presencial. E é no ao vivo que o destino se integra ao evento, exponencializando os resultados e gerando emprego e renda a toda a cadeia produtiva de turismo, eventos e viagens", pontua a gerente de Relacionamento do São Paulo Convention & Visitors Bureau, Taciane Oliveira.


EVENTOS INTERNACIONAIS

As captações de eventos internacionais também apontam para a retomada, em um trabalho de prospecção que não parou durante a pandemia. Junto às associações e entidades de que o SPCVB faz parte, foi realizado um trabalho forte para que São Paulo se mantivesse no radar dos principais destinos mundiais. Complementam os esforços o andamento da captação de importantes eventos internacionais de associações mundiais, referência nos segmentos de Biologia, Ciência Física, Ciência & Tecnologia, Ciências Sociais, Engenharia & Construção, Medicina & Saúde, Medicina & Tecnologia e Medicina Veterinária. Esses eventos, se confirmados, têm previsão para acontecer entre 2022 e 2026 e atrair cerca 23 mil participantes presenciais.


No segundo semestre de 2021, o SPCVB já se programa para atuar nos mercados Mice americano e europeu para promoção de destino e prospecção de novos eventos, durante a IMEX America e IBTM World, ambas previstas para novembro. O mercado internacional trabalha para realização de eventos a médio e longo prazos, por isso a relevância do SPCVB estar muito concentrado frente aos congressos internacionais que estão com a candidatura em aberto e que precisam definir suas sedes neste ano.


"É essencial seguirmos conectados com os clientes nacionais, para cumprirmos os requisitos das captações e os entregarmos no prazo. As realizações de eventos internacionais em anos futuros continuam dependendo da pesquisa e esforço de articulação do CVB, adaptados às necessidades dos clientes e novas ofertas de eventos híbridos", ressalta Taciane.


Fonte: Panrotas

BLOG

MAGICTOUR